Sangalhos (Anadia): o centro comercial sem vida.

3/26/2009 10:51:00 da tarde Publicado por Ana Jesus Ribeiro

O Centro Comercial Lara Luso (julgo ainda se chamar), situado no centro da freguesia de Sangalhos, continua sem uma única loja arrendada há já uns bons meses. Terá (a porta de entrada para o centro comercial encerrada) à volta de 14, 15 lojas (rés-do-chão e primeiro andar)... vazias.

Dizem-me que não há dinheiro para suportar a renda de uma loja. Que as pessoas preferem comprar uma loja, mais moderna, e vão pagando à banca.

Pergunto: será que não mete impressão um Centro Comercial completamente deserto, a ninguém?

Conhecem mais algum assim? Não há forma de aproveitamento e de quem de direito (ou "obrigação") sem termos que apontar tudo à crise?

Além de que, não traz grande imagem à freguesia, onde resido. Salta-me facilmente à vista, esta estagnação num centro comercial, até com falhas de letras.

Foto Direitos de Autor de "Leiam a imagem".


6 comentário(s):

  1. Jolly Jumper disse...

    Não há Gente, minha cara! Nem comerciantes nem consumidores...

  2. Anónimo disse...

    O Aidos é que é culpado

  3. Artur Salvador disse...

    Sangalhos é uma das maiores freguesias do concelho. Consequencia dos tempos e das obras não houve para Sangalhos uma atenção politica capaz de ir dinâmizando uma perca de dinâmica economico-social.
    Sangalhos, vive tempos das memorias do ciclismo, e nada de novo acontece; grande parte da diversidade de aocntecimentos em sangalhos depende quase exclusivamente das pessoas que com o tempo e não sendo apoiadas, acaba por desaparecer, motivos e exemplos não faltam... mas fico-me por aqui.
    O centro comercial de sangalhos, um conceito implementado daqui a nada à 20 anos, foi uma aposta arrojada, para a epoca; na altura recordam-se ainda passavam milhares de carros pela nacional 235 e toda a gente parava para os petistos, para o cafesinho, para o lanche, para o pequeno almoço, para comprar qualquer coisa... hoje com uma via rapida, mais depressa do norte se chega ao sul e do sul se chega ao norte, e ai as ofertas são imensas e muito mais aliciantes. Quem fica, aprende a sobreviver!
    Um dia, o valor de sangalhos e das suas gentes, vai recuperar nas origem uma vontade de empreender que nos vai dignificar a todos; e creio que está para breve.

  4. Leiam a imagem disse...

    Costumo dizer que "vivo em Sangalhos só para jantar e dormir" :) tenho a variante à porta de casa, mal vou a Sangalhos. Mas, quando constatei o centro comercial assim, não contava, tb conheci esse movimento. a ver vamos. já me advertiram hoje, de relance, que já há quem vá ocupar, pelo menos, uma loja. Viva!

  5. Anónimo disse...

    A culpa é do Sérgio. Não sabe dinamizar a freguesia, nem criar actividades para que o povo se divirta. Posso adiantar que nas próximas eleições não leva o meu voto.
    Sérgio desculpa-me, mas vou votar no Jaquim.

  6. Anónimo disse...

    Jaquim estou contigo...
    Conto tb contigo, para fazer obras no interior da Junta de Freguesia,pois, é uma vergonha como se encontra o Edificio!
    Bem certo é que este espelha bem a excelente gestão vivida nestes últimos anos de mandato...
    Ou esperem lá ... será que já foi prometido pelo Sr. Prof.Litério,uma nova JF nas comercializações/excelente contracto, efectuado à xuxa calada "aquando" da grandiosa obra implementada nas imediações - (refiro-me eu à Central eléctrica) da Inovadissíma Zona Indústrial do Paraimo que mais parece Angola pós Guerra!!!
    Efectivamente à coisas que só podem é estar apanhar a via rápida e até essas vão à boleia!